Pesquisa de Mercado – Elaborando um Bom Questionário

As pesquisas de opinião, de mercado, quantitativa ou qualitativa, tem em comum sempre o objetivo de coletar informações de um determinado público. E para chegar nesse público especifico devemos “filtrar”. Essa seleção, esse “filtro” é feito, tanto nas pesquisas quantitativas, quando nas pesquisas qualitativas através de perguntas especificas, ou seja, um questionário, aplicado nos futuros entrevistados. O Blog Pesquisa de Mercado, uma Publicação da São Paulo Pesquisas, vai abordar esse tema hoje: o questionário que, além do filtro, pode representar a própria pesquisa.

Todo questionário tem perguntas que filtram o público. Desde classe social, determinada na maioria dos casos pelo critério da ABEP, até perguntas especificas de consumo, por exemplo. Tudo depende do objetivo da pesquisa. Então nossa primeira dica é essa:

1 – Objetivo – tenha em mente o objetivo claro do que você quer que essa pesquisa responda. Qual a pergunta principal que você quer que seja respondida?

2 – Filtro – Ao elaborar o questionário, as primeiras perguntas são, normalmente, o filtro. Então além da classe social, idade, sexo e hábitos de consumo são comuns nessa etapa do questionário. O entrevistador vai determinar se essa pessoa está dentro do perfil que ele busca, antes de continuar com o questionário. Isso evita que o questionário seja todo aplicado e no fim, o pesquisador descubra que a pessoa não consome o produto, portanto, não está no filtro.

3 – Amostragem – Se você quer fazer uma pesquisa com o seu consumidor, já identificou a pergunta, já sabe qual o filtro, agora tem que pensar no tamanho da amostragem. Qual a precisão necessária para meus resultados?

4 – Perguntas do questionário – Chegamos à pesquisa propriamente dita. Há vários fatores que determinam que tipo de perguntas você deve colocar no seu questionário.

  • Quanto você conhece seus entrevistados?
  • O propósito da sua pesquisa é reunir dados sobre ideias que já conhece ou explorar ideias novas?
    • Se estiver reunindo dados sobre algo que já saiba, provavelmente é melhor se apoiar em perguntas estruturada (fechadas).
    • Caso esteja coletando novas ideias, pode ser melhor incluir questões não estruturadas (abertas).

 

O lado ruim de uma pergunta estruturada é que ela muitas vezes não é muito específica. O lado ruim da não estruturada é que é difícil analisar as respostas e colocá-las em uma planilha, e muitas vezes. Vale lembrar que esse ponto, a escolha de perguntas abertas ou fechadas, também vai influir no custo da sua pesquisa, pois determina o tempo de aplicação de um questionário.

5 – Como será feita essa pesquisa – Esse ponto foi deixa por último, mas deve estar na sua mente desde a montagem da primeira pergunta do questionário. Há várias formas de coletar informações, podem ser por telefone, por e-mail, pesquisa domiciliar, ponto de fluxo. A forma que for a escolhida impacta, não apenas na montagem geral do questionário, como também no custo total da pesquisa. Antes de escolher a melhor forma, converse com um especialista e tire suas dúvidas para escolher o melhor custo benefício.

Lembre-se, a São Paulo Pesquisas conta com mais de 30 anos de experiência em coleta, processamento e analise de pesquisas. Consulte-nos.

Teste de produto ou serviço

A pesquisa de mercado é uma excelente maneira de testar a aceitação de uma novidade antes de lança-la. Recomenda-se que antes de colocar um produto ou serviço à venda sejam realizados testes de mercado. São esses testes que vão validar a viabilidade de comercialização desse produto ou serviço. Eles avaliam a aceitação do consumidor e o grau de adaptação à novidade e buscam a melhor eficiência.

Há várias formas de testar um produto, serviço ou marca, mas todas os testes devem possuir padrões e metodologias para que sejam eficazes e revelem a real opinião e aceitação dos consumidores pelos produtos ou serviços oferecidos. Por isso contar com um parceiro especializado em pesquisa de mercado para a realização desses testes e captação desses resultados, é essencial para o sucesso do seu projeto.

O Blog Pesquisa de Mercado  uma Publicação da São Paulo Pesquisas, apresenta as formas de testar aplicadas pelas empresas de pesquisa de mercado.

1 – Teste de eficiência de um produto ou serviço – Seleciona-se um grupo de consumidores que sejam o foco do produto ou serviço. Entrega-se o produto ou serviço para uso e posteriormente colhe-se as respostas dos consumidores.

2 – Teste de mercado simulado: essa é uma técnica diretamente no ponto de venda. Pode-se fazer de uma forma a amarrar o consumidor que está recebendo a amostra, captando seus dados para que posteriormente ele responda o questionário sobre sua experiência de uso.

3 – Teste de marketing – Muito comum também, quando uma marca que já está estabelecida vai lançar novos produtos ou nova campanha, ela testa com um grupo de consumidores a eficácia desse novo produto ou dessa campanha. Esse tipo de teste costuma ser indireto, com grupos de discussão (FG).

Há várias metodologias para testar um produto, serviço ou marca, mas todas elas precisam contam com a experiência de um parceiro de qualidade. Por isso na hora de testar o seu serviço consulte a São Paulo Pesquisas.

 

Realizar a pesquisa em uma sala espelho

No nosso último texto explicamos quando utilizar a pesquisa quantitativa e quando utilizar a pesquisa qualitativa. (Leia aqui). Hoje vamos explicar, aqui no Blog da São Paulo Pesquisas, como é uma pesquisa qualitativa em sala de espelho.

A pesquisa qualitativa, como explicamos, é indicada para aprofundar em um assunto, junto ao consumidor ou público alvo. Nesse caso, as salas de espelho são os locais indicados para essa conversa com o consumidor.

Essa conversa pode ser um bate papo individual, chamada entrevista em profundidade, ou em grupo, os chamados grupos de discussão. Para essa forma de pesquisa utiliza-se um moderador, e grupos que variam de tamanho, de acordo com a solicitação do cliente, do assunto, etc, mas a média é entre 8 à 12 pessoas.

Conheça os principais pontos porque as salas de espelho são as mais indicadas pare esse tipo de bate-papo com o consumidor.

1 – A sua estrutura permite que o cliente fique observando atrás do espelho, o que o consumidor está falando. Dessa forma, caso seja necessário, pode enviar alguma informação ao moderador, além de fazer todas as anotações que forem necessárias.

2 – Essas salas são equipadas para filmar todo o bate papo, dessa forma a moderadora ou quem for fazer a análise posterior da pesquisa, terá as informações e tudo que foi dito durante o grupo.

3 – Essas salas também contam com serviços de comidinhas, que deixam o entrevistado, moderador e o cliente, atrás do espelho alimentados,

Leia também – “Nossos serviços

As pesquisas em grupo, tem como objetivo explorar com detalhes as experiências pessoais dos consumidores. Ainda é possível entender mais sobre a perspectiva individual que acaba gerando preferências e motivações.

Como você pode ver, realizar a pesquisa em uma sala espelho pode ser uma grande oportunidade para você e principalmente para os seus negócios. Vale a pena confiar e investir!

Se você gostou do conteúdo exposto nesse artigo, aproveite para também conferir para o que é e para que serve o critério Brasil clicando aqui.

Conheça as vantagens da Sala de Espelho da São Paulo Pesquisas

Quando utilizar a pesquisa quantitativa e a qualitativa?

Buscar pesquisa de mercado, hoje em dia, deixou de ser um diferencial, para ser uma necessidade no seu projeto.

Leia – 3 motivos para investir em pesquisa de mercado

Mas muitas pessoas, na hora de contratar a pesquisa, ficam em dúvida sobre quando deve utilizar a pesquisa quantitativa e a qualitativa e nós vamos tentar trazer para você leitor (a), de maneira bem simples, a ideia mais concreta de quando optar por uma ou por outra.

Conheça “Nossos serviços

No que diz respeito a pesquisa quantitativa, ela é mais indicada para apurar as opiniões e atitudes dos entrevistados de maneira geral, usando como ferramenta principal um questionário muito bem estruturado. É um método muito utilizado quando já se tem o conhecimento sobre o que deve ser perguntado para se atingir um determinado objetivo. É possível obter resultados precisos e confiáveis, que podem até mesmo ser projetados para o universo estudado em razão de ser baseado em uma amostra estatística e ainda é possível ter acesso a dados que poderão sem comparados com outros.

pesquisa qualitativa possuí o objetivo de explorar ao máximo alguma tema em especial, objetivo ou conceito, de forma a estimular o entrevistado a pensar e falar mais abertamente, visando entender e principalmente interpretar os seus comportamentos, motivação e atitudes, que acabam por determinar ou influenciar a opinião sobre qualquer assunto que seja, sobre a tomada de decisão de qualquer marca ou produto.

Agora você já saber quando deve utilizar a pesquisa quantitativa e a qualitativa, conte com a São Paulo Pesquisas para o sucesso do seu projeto. Solicite um orçamento.

O que é e para que serve o critério Brasil?

Em pesquisa de mercado, seja qualitativa ou quantitativa, antes de conversar com as pessoas, precisa-se definir quem é a pessoa que queremos falar. Qual é o público alvo da campanha, ou para quem se destina o produto. Normalmente informações como “gênero”, “idade” e “classe social” são as mais básicas para selecionar um consumidor ou o entrevistado da pesquisa.

Para determinar a classe social foi criado o “Critério Brasil”. Apesar de muito criticado, esse método filtra as pessoas de forma a determinar qual classe social ela pertence. Algumas pesquisas pedem outros pontos, além do critério Brasil, mas basicamente, todas as pesquisas de mercado e opinião começam por esse questionário.

Nessa tabela são encontradas perguntas sobre os itens de consumo que a pessoa possua, por exemplo televisão, computador, carro ou moto, mas não leva em conta o modelo ou ano, por exemplo. Para cada resposta é atribuída uma pontuação, e a soma de todas as respostas corresponde a classe social, segundo os critérios do questionário.

Essa é uma forma justa de se padronizar as respostas, fazendo com que todos os institutos usem a mesma base. E quem controla, atualiza ou mantem o critério Brasil é a ABEP, Associação Brasileira de Empresa de Pesquisa.

A São Paulo Pesquisas, em seus trabalhos de campo ou recrutamento, utiliza o critério Brasil, e deixa a cargo do cliente, outras formas de classificação para selecionar a pessoa certa para responder à pesquisa em questão.

Conte com a São Paulo Pesquisas para seus projeto. Solicite um orçamento.

Moderador de Focus Grup

Além da sala certa, um grupo de pesquisa qualitativa, tem que conta com um bom moderador. É esse profissional que vai conduzir a dinâmica no grupo, introduzir assuntos, captar e interagir com as respostas dos participantes. Também é o moderador que, em muitos casos, analisa e apresenta os pontos em destaque descobertos nos grupos.

Um moderador bom tem que saber ouvir, e intervir quando for necessário, principalmente quando o assunto foge do foco da pesquisa. É também o moderador que reconhece quando um participante está influenciando a resposta de outros do grupo ou, até, mentindo.

É comum que para a realização de um grupo de discussão sejam sempre convidadas mais pessoas do que o necessário. Esse hábito é eficaz para que o projeto ocorra sem transtorno, pois sempre acontece de algum convidado faltar falta, ou chegar atrasado.  Quando chegam mais pessoas que o necessário é o moderador que determina, nesse momento, quem deverá ser dispensado, analisando os dados do espelho, que fariam de acordo com o objetivo do grupo. O moderador deve ter a certeza do equilíbrio e diversidade de opiniões dentro do grupo.

Antes de fechar seu projeto de DG consulte a São Paulo Pesquisas. Nossas salas têm ótima localização, próxima ao metrô na região central da cidade, de fácil acesso para quem vem de todas as regiões. A sala de espera é equipada com televisão e ar condicionado e, dispõe de café e água para os convidados e recepcionistas dos grupos. As salas de DG apresentam espaço para circulação e acomodam bem até 12 participantes nos grupos. Contamos também como acessibilidade para portadores de deficiência e cadeirantes. Indicamos também moderadores com experiência para o seu projeto.

Venha fazer uma visita e reconheça a diferença.

Pesquisa qualitativa em outra cidade

Quando uma empresa precisa lançar um novo produto, ou uma marca precisa saber se sua publicidade está sendo efetiva, ou se quer saber se sua campanha publicitária atingirá seu público antes de ser lançada, a solução é realizar uma pesquisa de mercado. E dentre as várias formas de fazer pesquisa de mercado a qualitativa é recomendada para esses casos, mais especificamente a discussão em grupo.

Mas, e quando precisamos falar com um consumidor de outra cidade? Muitas vezes levar a equipe toda envolvida no projeto para outro local tem um curto muito elevado, impedem sua produção. E aí que um espaço bem preparado, como serviço de streaming é o diferencial que viabiliza a execução da pesquisa.

Mas o que é o streaming? – Streaming é um serviço de transmissão ao vivo, pela internet. Porém, a sala que for abrigar o seu projeto precisa, não apenas oferecer um serviço de streaming, mas oferecer qualidade nesse serviço. Uma conexão com velocidade garantida, um acesso seguro e a garantia de que na hora precisa, você, de outra cidade, vai conseguir assistir o seu grupo e, se necessário, interagir com o moderador.

A São Paulo Pesquisas possui um serviço de qualidade, com dedicação de IP para a conexão não falhar, segurança no serviço para apenas quem estiver com login e senha entrar e total suporte da equipe interna para oferecer ao seu cliente, mesmo de outra cidade, a certeza que ele precisa para a realização com sucesso do seu grupo. Outro diferencial que oferecemos é que o nosso serviço de streaming bem como nossos equipamentos, permitem que sejam feitas traduções simultâneas na transmissão, nesse caso, o cliente poderá escolher se quer ouvir o áudio original da sala, ou o áudio da interprete. Além disso, contamos com parceiros de igual gabarito em outras cidades, que permitem que ofereçamos a mesma qualidade em qualquer região do Brasil.

Antes de fechar seu projeto, conheça nossos serviços. Venha nos fazer uma visita.

São Paulo Pesquisas – empresa amiga ASBPM

A São Paulo Pesquisa é empresa que conta com a experiência de mais de 30 anos em pesquisas quantitativas e qualitativas, sempre buscando as melhores técnicas de execução, bem como as melhores formas de fornecer pesquisa de qualidade, com dados confiáveis a seus clientes e parceiros.

Por isso, a São Paulo Pesquisa tornou-se uma empresa amiga da ASBPM – Associação Brasileira de Pesquisadores de Mercado Opinião e Mídia. Mas o que é uma empresa amiga ASBPM? Segundo a própria associação, “a empresa amiga ASBPM” é um programa destinado aos profissionais trabalhadores no segmento de pesquisa de mercado.

Esse programa oferece treinamento subsidiado pela empresa amiga. Ou seja, através do programa “empresa amiga”, os parceiros e colaboradores da São Paulo Pesquisas têm a oportunidade de participarem de treinamentos, cursos de aperfeiçoamento, palestras, etc.

Dessa forma, a São Paulo Pesquisa está contribuindo para o crescimento pessoal do colaborador, que nesse mercado de pesquisa, trabalha por projeto. É um prestador de serviços.

A qualidade dos serviços prestados aos clientes da São Paulo Pesquisas é elevada, por contar com colaboradores mais qualificados. Todos saem ganhando.

Conheça mais da São Paulo Pesquisas e seus serviços.

Tecnologia – custos mais baixos

A São Paulo Pesquisas aposta na tecnologia para baratear o custo de produção dos seus serviços, além de oferecer qualidade e agilidade para seus clientes. Essa é a conclusão que a reportagem da Pequenas Empresas & Grandes Negócios teve ao realizar uma matéria especial sobre tecnologia.

O foco da reportagem foi a locação de tablets de um dos nossos fornecedores, porém nosso Diretor de Negócios, Sérgio Prado, foi um dos entrevistados pela equipe e nosso escritório foi parte da locação da reportagem.

São Paulo Pesquisas fica muito feliz em estar alinhada com o que o mercado oferece de mais moderno, apresentando opções de produção mais rápidas e baratas. Dessa forma também buscamos fornecer nossos serviços de pesquisas de mercado e opinião para empresas que antes acreditavam não possuírem verbas para esses serviços.

Assista à matéria que foi ao ar no PEGN e consulte-nos sobre seu projeto de pesquisa.

Assista aqui à reportagem: https://goo.gl/If9uxM

Conheça 4 pontos para escolher seu fornecedor de pesquisa

shutterstock_143785585Já falamos aqui no Blog Pesquisa de Mercado, em uma Publicação da São Paulo Pesquisas, que a análise da pesquisa pode ajudar a direcionar o investimento. Também já explicamos como a pesquisa pode te ajudar a vender mais. Hoje vamos falar sobre como escolher um bom fornecedor de pesquisas.

Quem está montando ou expandindo um negócio, lançando uma nova marca ou querendo saber o que o consumidor fala sobre seu produto, já sabe que a pesquisa de mercado, seja qualitativa ou quantitativa, é a melhor ferramenta para auxiliar nesse momento.

Mas, como todos os serviços, escolher um bom fornecedor, faz a diferença nesse momento. O Blog Pesquisa de Mercado, selecionou algumas dicas para facilitar a escolha nessa hora. Antes de escolher quem vai fornecer o serviço que você precisa, analise alguns pontos:

1 – Qualidade: Se é a primeira vez que você vai usar o serviço desse fornecedor, busque saber mais sobre ele. Veja se há reclamações nas redes sociais ou se há avaliações positivas. Tente falar com outros clientes que ele atende, pegue referencias.

2 – Preço: pedir orçamento em mais de uma empresa é normal. De posse dessas informações você pode negociar. Tenha em mente que nem sempre o menor custo é o que mais se adequa à sua necessidade, assim como nem sempre o mais caro é o melhor. Analise bem as informações de como o serviço será executado.

3 – Capacidade: Depois de avaliar a qualidade e o preço, apure se esse fornecedor de pesquisa de mercado tem mesmo a capacidade de atender suas necessidades. Para grandes empresas ou marcas é importante um fornecedor que possa atender, por exemplo, todo o território nacional, ou que entregue o resultado de forma especifica. Antes de fechar com um fornecedor busque saber se ele vai atender suas precisões.

4 – Alinhamento: Não esqueça que você tem um diferencial na sua marca, produto ou serviço. Busque um parceiro que esteja alinhado com seus princípios. Dessa forma você vai fortalecer a base da sua marca, passando para o mercado consumidor uma unidade.

A São Paulo Pesquisas conta com a expertise de mais de 30 anos de seus sócios. Antes de fechar seu projeto de pesquisa, converse conosco. Conheça nosso diferencial.